11 setembro 2016

Estrada, distância e um amor.

Já são 06 horas da manhã de uma terça-feira. Acordo. Me arrumo e vejo se não esqueci nada. Por enquanto "não estou" ansiosa. Vou para escola e o dia vai passando devagar, muito, olho descontroladamente o relógio da sala e nada dessas horas passarem.
Bruna, minha colega do lado, percebe a agonia. Me viro e digo a ela: "Essas horas não passam!". Me tranquilizo até as 15:00 horas, onde começo ficar realmente ansiosa, toca o sinal para todos entrarem na sala do intervalo. É aula de filosofia/sociologia, maravilhosa!
São 16 horas e 30 minutos, fico olhando para janela e pensando "O ônibus, o cara do ônibus, vai esquecer de mim. Ai meu Jesus amadinho!"
Finalmente 17:00 horas, saio correndo ~e olha que não pode correr pela escola~, com bolsas cheias de roupas e chego no ponto, seu Josueudo, ah, que pessoa maravilhosa, não esquece de mim.
Me sento onde tem a janela, olho para estrada, penso na distância e o amor, no motivo que tenho quando chego em meu destino. 

-Carol Barbosa, Doce Carola.

Créditos da imagem: Clique Aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© DOCE CAROLA - 2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: ANNA CAROLINA. Desenvolvido por ISRAELY LIMA.
Tecnologia do Blogger.
TOP
NAS REDES SOCIAIS...